martedì, giugno 17, 2008

Vomitando uma manhã....



Vontade visceral de regogitar saliva//doce, amarga, saliva estridente//os olhos amassados //Carnal desejo de vomitar venéreas chamas//quente, secas, sedentas//mãos grossas que me acalma.

Dor exaustiva na garganta estrangulada//deliro minuciosas crateras de confusão//lendo passos afastados, amargos//hora de voltar... vontade visceral de despertar da manhã quieta entre nós// desfazer saudades...

2 commenti:

impulsos ha detto...

Mais palavras para quê?
A foto e as palavras que a ilustram, dizem tudo o que é preciso dizer...

Beijo

rock and blues ha detto...
Questo commento è stato eliminato da un amministratore del blog.