sabato, ottobre 21, 2006

Minha alma permanece a te esperar...

Sinto-te, porém de mansinho...
Na luz sublime da ausência dos teus olhos.
Sinto-te, porém ausente...
Na mesa recostada do meu divagar.
Sinto-me apagada...
Na falta da tua luz que cobre minha alma.

Foto: Francieli Rebelatto

Sentimentos: Francieli Rebelatto

Palavras: Francieli Rebelatto

20 commenti:

Stranger à la carte ha detto...

quando os teus olhos se habituarem a escuridao, veras tudo claramente

bjinho

obrigado pela visita

CM ha detto...

Vou uma surpresa encontrar esta "lenda perdida"...
Qunado se ama a alama não cansa de esperar e aprende a ver tudo até na escuridão.

Beijo, com essência de vida.

CM ha detto...
Questo commento è stato eliminato da un amministratore del blog.
sentidos ha detto...

Adorei as tuas palavras...
Que a luz das estrelas ilumine o teu caminho para que a tua alma se sinta preenchida.

Um bj terno e sentido

Bia ha detto...

Belo sentir... profundo... como eu percebo...
parabéns pelo post.
Um beijinho grande para ti e um bom Domingo

aqui-há-gato ha detto...

E eu...
sinto que brilhas,
nas palavras que escondes,
e na ausência que teimas escura...
Olha-me aqui!
Com vida, e chama tua!
Sente-me a pele...
Diz-me que brilho... Para ti!
De ti..


Miau do gato

AS ha detto...

Não te sintas apagada com a ausência... tua alma tem luz própria!...


Beijos ternos e doces

rui ha detto...

Oi Francieli
Escreves muito bem, isto é, consegues reproduzir sentimentos profundos escrevendo.
O que escreveste é lindo. Não tenho jeito para a poesia, mas gosto muito de a ler.
Vejo que também gostas de fotografia, esta foto está com um efeito espectacular. Faz-me lembrar luz nas trevas, um pouco como tu dizes “ sinto-me apagada…Na falta da tua luz que cobre a minha alma”.
Gostei de estar no teu cantinho.
Até outra visita
Bj

M5Sol ha detto...

Bela escolha a de este texto que é lindo. Vim fazer uma visita e gostei.
Acho que vou voltar.

António Caeiro ha detto...

Bonitas palavras vim encontrar neste sitio. Parabens.

VEM SONHAR COMIGO ha detto...

Deixo-te luz para ti e...um beijo doce

d

.*.Magia.*. ha detto...

Gostei...
Das palavras, dos sentimentos, da imagem, e da legenda lá embaixo!

Beijokas Mágikas

Ricardo Rayol ha detto...

Belissimo texto.

ClariDeggeroni ha detto...

O ser humano vive entre os impetos dos sentimentos, o racional e os valores... Podemos nos sobressair em qualquer um desses pois sao igualmente dignos... Mas o ser humano, humano MESMO, eh sobretudo um inconformado... E essa coragem pode nos fazer imprudentes... As consequencias de lutas e paixoes as vezes nos conduzem a escuridao! Mesmo o amor apaixonado sendo tao sublime... E como disseram acima, tens brilho sim, mesmo quando te envolve a escuridao...
Mesmo com tudo isso, por agora, defendo a imprudencia com quem se ama... Nao sei ateh quando dura essa minha posicao...

Estranha pessoa esta ha detto...

A legenda já diz tudo não é?

;)

Um abraço grande daqui do outro lado do Atlântico.

P.S.: Além de gostar muito das tuas linhas, gosto muito das fotografias. Parabéns.
Aparece lá no meu blog de imagens(zecas) -- Para lá do Miocárdio ;)

Secreta ha detto...

Lindas palavras ...
Que esse sentir nunca se apague.
Beijito.

Andreia do Flautim ha detto...

às vezes de repente falha-nos a luz, temos de voltar a encontra-la para seguir caminho!

Bandida ha detto...

A foto, sublime!

...palavras

... ausências
__________________

Abraço!

Poemas e Cotidiano ha detto...

"A falta da tua luz que cobre a minha alma..." que lindo!
Beijos
MARY

arritmias ha detto...

deito apenas o fundo das costas, mas adormeço por inteiro.