lunedì, giugno 12, 2006

Dia dos namorados! E mais uma vez o que dizer!

Tinha elaborado um belo texto para aqui postar sobre esse dia, mas não é que não salvei e perdi ele, que droga. Mas, enfim tive preguiça e por isso vou sintetizar em poucas palavras e com uma foto o que desejo para todas as pessoas que amam. Conheci uma nova amiga hoje pelo msn, e depois de algumas breves filosofias ela me fez acreditar que príncipe existe (tá me devendo essa parte da história, heim, Laura?), por isso mudei meu discurso, antes meu texto iria apontar coisas ruins, agora trago só palavras bonitas, por que espero que todos tenham coragem de desabrochar para o amor e se dêem a liberdade de viver grandes histórias. Nem que não tenha cavalo branco, o importante é ter muita paixão...

O fato é que cálculos dizem que somente 20% das pessoas encontram seu par ideal. Não importa se você esteja entre os 20 ou entre os 80%. Se estiver entre os 20 ame, se estiver entre os 80 continue procurando. Pois, o pior de tudo, é quando tu acreditas que encontrou e não pode viver,mas isso não vem ao caso.
Então desabrochem seus corações e se permitam serem felizes...

13 commenti:

Francieli Rebelatto ha detto...

Pois é...que belo dia, mas que saudades...

Tiago Medeiros ha detto...

Hmmm, 20% é? Não estou entre eles, ainda não estive nestes 20 anos de vida. Isto me faz acreditar que não nasci para isso e que o amor verdadeiro é algo inatingível para algumas pessoas (pelo menos para concretizá-lo).

Mas como diria o mestre Mário Quintana: "Se as coisas são inatingíveis, ora... Não é motivo para não querê-las... Que tristes os caminhos, se não fora... A presença distante das estrelas..."

Fausto ha detto...

Pois então... estatística é uma coisa, vida real não é beeem igual...
20%... 80%... complicada e um pouco triste essa matemática, mas a gente sempre pode reverter a situação... li o texto e pensei assim "pq a Fran nao faz o q está pedindo pra gente fazer??"... Vai viver, mulher!! Tu sabe que é uma coisa diferente, mas eu amo tu tb e tu merece muita coisa boa nesse dia... não só nesse, mas enfim... Ah, que complicado é uma relação interpessoal, assim como esse meu comment aqui... hahahaa... Então paro por aqui...

Bjooooo

carla ha detto...

pudera eu estar entre os 20%... hehe...

odeio essa matemática do amor.

Jana ha detto...

Frã... este breve comentário é só para dizer que me vejo em trechos dos teus textos... por isso os admiro.

Beijão

Edu ha detto...

EU DIGO: se estiver entre os 20%, ame; se estiver entre os 80%, ame!

Estamos aqui pra isso!
Vivendo, amando e aprendendo (hehehe).

Beijoooooo.
Adoro-te!

Saudade!

Augusto M. Paim, vulgo Augustóteles ha detto...

Tenho duas coisas a dizer:

1) o amor é o calor que aquece a alma

e

2) tudo q é perfeito a gente pega pelo braço, joga lá no meio, mete em cima, mete embaixo (depois de nove meses vc vê o resultado)

E é isso. Disse tudo. Abração!

Fabricio ha detto...

O Negocio e acreditar...sempre!

Laura ha detto...

é Fran, concordo contigo, o pior é estar alí no meio.. nem vinte nem oitenta, sabe?

e pra prosseguir com o Mario Quintana por aqui...

"Se eu amo meu semelhante? Sim. Mas onde encontrar meu semelhante?"

=D

beijão

Arlindo Orlando ha detto...

Bom,tu viu que o ser humano está sempre descontente, com alguma coisa,procurando algo para sofrer...e se lamuriar como nos filmes de amor,romances e etc...
Então , chega o dia dos namorados, a tortura para os solteiros e o auge para os namorados.E o drama para os solteiros,mas muitos só pensam em ter uma namorada nesse dia, pois o resto do ano é pegação geral...e (vcs entendem).
Cada momento tem sua situação, e se não chegou a hora, talvez a vida esteja te reservando uma surpresa... E quando a surpresa chegar, adivinha depois de um tempo vc vai ficar descontente com alguma coisa.Pq afinal somos humanos.

Carla ha detto...

Olha, Fran, pra quem é guerreiro, essa notícia dos 20% só faz arregaçar as mangas.... A graça da vida é ser uma grande incerteza. Isso é o que nos move a viver, a não nos acomodar,a buscar e buscar, dar com a cara na parede, na porta, no muro, voltar, recomeçar...

Sério, eu me considerarei uma pessoa feliz nem que acabe a vida entre os 80%, pois saberei que, ao menos, tentei sempre fazer a minha parte... A outra é tarefa do destino!

Bjasso!

Carla ha detto...

Só passei aqui pra dizer q te amo e q sinto tua falta todos os dias!!!
E também pq tu fica reclamando q eu nunca comento nada aqui!
O importante não é ler e absorver??? Eu sou praticamente uma "esponja" dos teus textos!!!
bjão gringa

Francieli Rebelatto ha detto...

Bah Carlinha, a saudade é recíproca e vc sempre praticamente todos os dias é um dos nomes que cito pra lembrar de todos nossos bons momentos, hj mesmo bem cedinho falava de ti e daquela nossa noite de Aldeia, que saímos decidida...Bom vc lembra de que, e vc lembra o resultado..heheheh...Amo-te enlouquecidamente e logo estarei aí, pra aquele abraço..beijos