venerdì, giugno 23, 2006

Minhas meninas...uma breve homenagem...

O mundo pararia com...
Sua gargalhada gostosa
Criatividade inusitada
Brincadeiras de criança
Porém, quase mulher...

Sorriso libertador
Sonhadora infindável
Olhar curioso
E o jeitinho mais amável...





Essa é minha menina
Tão radiante quanto as estrelas
Tão profunda quanto a poesia
Não tem como não amá-la ao vê-la...

Apenas mais um ano desponta
Apenas mais uma ano que enfeitas
Enfeitarás ainda muitos jardins

Mas será sempre a minha criança...

Egoísta sou ao querer que seja só minha
Enfim que o mundo a tome nos braços
Pois é minha pequeninha
Que desejo dar um imenso abraço...

Essa é minha homenagem as minhas duas pequenas, minha irmã Tati que está de aniversário hoje...e minha irmã Gracieli que está precisando de umas vibrações positivas para sua vida...Amo vocês e isso basta.

A foto creio que não preciso dizer nada, a não ser sua localização. Ela foi tirada quando estive na Amazônia, durante o Projeto Rondon e através dela lembro com saudade das outras meninas que lá conheci, as meninas ticunas, que me conquistaram e deixam com imensa vontade de voltar...

1 commento:

carla ha detto...

Fran, guria... se proibirmos as poesias, o que vai ser de nós?!

Coisa mais linda que as palavras lidas e a nós "cabidas" não tem. Eu adoro quando me encontro nos textos alheios. Parece que a gente não está só...


**lindas as tuas meninas.