giovedì, agosto 24, 2006

Verde olhar o que tem a dizer a tua Satania?

Ela tinha sentido imensamente o verde do olhar dele invadindo seu corpo nervoso naquele fim de tarde preocupado. Não sabia me explicar direito o que acontecia com seu corpo, com sua mente, com suas pálpebras medíocres, com seus desejos absortos.

Aos poucos se dissolvia em palavras melindrosas, em felicidade estonteante, nervosa, feliz, completa (nem tanto), mas enfim a noite se tornara mais bonita, as escadas se tornaram mais leves, as teclas do computador mais ágeis e seus traços mais bonitos.

Sentia uma imensa vontade de sair à rua, de cantar aos quatro ventos, de ser feliz. Estava sentindo o quarto com ar aprazível, olhou para a cama com desdém, se debruçou em baixo do chuveiro e agradeceu baixinho esse verde inspirador.

Nos caminhos que eu andei

Expliquei a ela que tudo isso podia ser resumido em uma só palavra: paixão. Ela me olhou com um olhar esnobe, mas mesmo assim carregou consigo a sensação que só aquele verde olhar tem. E eu pensei baixinho: Pobre Satania, que não vive mais sem aquele olhar.

E ela leu meu pensamento e antes de sair me pediu: por favor, o traz para mim? Parei imediatamente e fiquei sem dar resposta, mas jurei em silêncio, que ele estaria sempre presente em sua vida. Prometi agora vou ter que cumprir e você olhos verdes, será que podes me ajudar a cumprir essa promessa? Tua Satania está a te esperar.

7 commenti:

Kafé Roceiro ha detto...

É, ela está amando. Será que tem ligação com o post anterior. Se tiver, acertei! Beijos do Kafé.

Alexandre, The Great ha detto...

Olá!

Vim te visitar devido a um comment seu lá no meu blog político.

Gostei daqui. É bastante excitante, embora um pouco "misterioso" também. Mas vc é bem nova, o que talvez explique todas essas poesias e paixões.

Volte sempre, tá?

Bijoux***

Francieli Rebelatto ha detto...

Ai e agora kafé, será que admito???Pois, acho que estou mesmo...obrigado pela visita..

Alexandre, muito bom teu blog, obrigada tb pela visita e vou estar sempre lá, mas quanto as ser nova, sim realemnte sou..por isso não quebro muito a cabeça...beijos

Fernando ha detto...

Acho que te descobriram, a Fram gente é a mais apaixonada do mundo, desde dos velhos tempos que a conheci, se apaixona pelas coisas, pelas pessoas, pela vida a cada dia, é impressionante.

Por isso tal intensidade nas palavras. Adoro-te menina. Saudades dos velhos tempos. Disseram que ta nova, ta nada sua velha ta na hora de criar juízo.

Bj.

Francieli Rebelatto ha detto...

A ta, né Fernando que tu sabe de mim??? Quase nada...beijos..saudades tb...

Lâmina d'Água, Silêncio & Escriba ha detto...

Beijinhos para teu final de semana!!!
Cris

Jupiter ha detto...

espera-me...