giovedì, agosto 03, 2006

Mais um momento qualquer...

Senti o prazer florescente na pele...
Escorrendo das entranhas da minha alma
A pélvis cada vez mais avermelhada...
E o gosto ardente do prazer
entre as minhas pernas...
Sensação perversa de êxtase no quarto.
A porta se fecha devagar...
minhas entranhas também se fecham.
Lascívia, apenas mais um momento de lascívia...
Real, nem tanto porém.

Obras pintadas na parede do CAL.

1 commento:

Francieli Rebelatto ha detto...

Sim, se houvesse de escrever pra ti não seria qualquer, mas sim, um momento especial...porém, continuo te esperando enquanto a porta estiver disposta a se abrir...